Tags

, , , , ,

Por Sidnei Ferreira de Vares

Posso não concordar com muitas das ideias políticas defendidas pelo poeta e colunista Ferreira Gullar (embora adore seus comentários sobre arte). Mas não posso deixar de me solidarizar com suas posições a respeito da justiça brasileira, publicados sob o título de “Justiça complacente”, no Jornal Folha de São Paulo (Ilustrada,05/12).

Penso que a justiça precisa ser mais “justa” com aqueles que transgridem as normas sociais. Não se trata de ser desumano ou ignorar os inúmeros problemas sociais e econômicos que levam muitos à criminalidade, mas sim de preservar aqueles que vivem suas vidas honestamente, sem violentar a liberdade alheia. Infelizmente, muitos criminosos são irrecuperáveis para a vida social. Não enxergar isso é virar as costas para a realidade.

Conquanto esses “monstros sociais” sejam, em alguma medida, criação da própria sociedade, se não tomarmos alguma providência, estaremos condenados a viver numa “sociedade monstruosa”.

[O poeta Ferreira Gullar]

Anúncios